por -

Assim como o Felipe Boito, do Paraná, que está no vídeo de hoje, muita gente me pergunta como retenho minha equipe ensinando empreendedorismo. E a grande sacada desse episódio é explicar pra você como eu consigo baixo turn over de profissionais aqui na Ignição Digital fomentando a vontade das pessoas de empreenderem.

Dê o play e entenda um pouco mais sobre o que é ser um empreendedor e como reter talentos, sem podá-los.

O que é um empreendedor?

Acho que um dos grandes enganos das pessoas é confundir empreendedor com empresário. Eu procurei muito na internet o que é ser um empreendedor e gostei bastante da seguinte explicação: empreendedor é aquele que imagina, desenvolve e realiza visões.

É importante a gente entender que nem todo empreendedor abrirá uma empresa e que nem todo o dono de empresa é um empreendedor. E, principalmente, que há muitos empreendedores que atuam em negócios que não são seus.

Já ouviu falar de intraempreendedorismo?

Os empreendedores que trabalham na empresa de outros, são os que eu chamo de intraempreendedores. E de alguma forma, todo mundo que empreende é um intraempreendedor.

Eu, Erico, que faço meus negócios no Brasil, por exemplo, sou um intraempreendedor desse país, um ecossistema que eu não possuo ou controlo totalmente, que tem regras que não fui eu quem fiz.

Entender que existem os intraempreendedores me fez valorizar os profissionais com esse perfil e incentivar sempre o espírito empreendedor da minha equipe, mas sem nunca esquecer que nem todos são empreendedores.

Sabia que nem todo mundo quer empreender?

Pois é, por mais valor que eu dê ao empreendedorismo, é preciso aceitar que nem todas as pessoas têm vontade de empreender, essa não é uma característica de sua personalidade, elas são operacionais, se sentem mais realizadas operando. E não há problema nisso. Esses diferentes perfis são o que mantém o equilíbrio do ambiente corporativo.

Quando eu identifico um empreendedor entre a minha equipe, faço questão de incentivá-lo, porque acredito que tê-lo aqui na empresa gera uma relação de ganha-ganha, na qual o meu negócio cresce e o profissional aprende a empreender com os recursos de outro, o que é uma grande escola para qualquer empreendedor.

E eu acredito que esse incentivo seja a resposta para como eu retenho minha equipe, mesmo ensinando empreendedorismo.

Bom, essa é a grande sacada de hoje. Espero que você não tenha medo dos intraempreendedores que trabalham em sua empresa e os ajude a crescer, o que só trará benefícios para o seu negócio.

Se quiser mais conteúdo e sacadas interessantes sobre marketing digital, tecnologia e empreendedorismo, continue acompanhando minhas postagens aqui no blog e me siga também nas redes sociais.

banner (1).png

[E-BOOK] GUIA DEFINITIVO DO MARKETING DIGITAL

Descubra aqui Como Usar a Internet para Alavancar suas Vendas ou Criar um Negócio Digital 100% do Zero

Insira seu email e receba o ebook: