por -

Sempre gosto de tirar as dúvidas dos empreendedores que conversam comigo. E durante um webnário, surgiu uma questão muito interessante que acho que vale a pena compartilhar com você. A pergunta foi a seguinte: “Afinal, qual é o momento certo para quebrar as objeções do público-alvo?”.

Antes de conhecer a resposta, primeiro, reflita um pouco. Durante o processo de lançamento de um produto ou serviço, você acha que as objeções devem ser quebradas no ato da oferta, ou antes? Se não conseguir chegar à uma conclusão, não se desespere! A solução para essa questão você confere a seguir. Veja:

Quebre objeções sempre que possível

De bate e pronto, afirmo e reafirmo: sempre que possível, isto é, sempre que achar necessário e sempre que tiver a oportunidade, quebre as objeções do seu público. E isso, vale dizer, deve ser feito preferencialmente antes da oferta.

Como exemplo, vou citar a Fórmula de Lançamento, na qual eu costumo me preparar para quebrar objeções já no minuto três.

Geralmente, a primeira delas é a dúvida sobre a veracidade do que está sendo oferecido. As pessoas ainda pensam que o que é muito bom pode não ser verdade. Então, para contornar isso, conheça as principais objeções que impedem as pessoas de comprarem um produto e ofereça conteúdos específicos, voltados para a quebra desses pensamentos e questionamentos negativos.

Dica importante

Particularmente eu não acho que as objeções devem ser quebradas todas de uma vez. O certo é dividi-las para quebrá-las aos poucos. Porém, sempre que possível, quebre uma. Caso contrário, algumas pessoas podem deixar de ver as suas ofertas por conta das maiores objeções existentes.

Analise o tipo de objeção antes de quebrá-la

Agora, é possível que você esteja se perguntando quão antes da oferta uma objeção deve ser quebrada, e é justamente nesse ponto que você precisa de atenção, pois, na maioria das vezes, é preciso analisar caso a caso.

Se for uma objeção que está bem ressaltada, não tenha dúvidas: entre em ação e quebre-a de uma vez. Assim você diminui o risco de perder um possível lead. Então, quando a dúvida surgir, tenha a perspicácia de analisar o tipo de objeção com a qual está lidando e siga as orientações que citei aqui!

Essa foi sacada de hoje, espero que tenha gostado. Se tiver dúvidas, nos envie um comentário, abaixo, e confira outros artigos, como este, na aba de vídeos desta página. Garanto que você vai encontrar dicas incríveis para o seu negócio. Acesse!

[E-BOOK] GUIA DEFINITIVO DO MARKETING DIGITAL

Descubra aqui Como Usar a Internet para Alavancar suas Vendas ou Criar um Negócio Digital 100% do Zero

Insira seu email e receba o ebook: